free web
stats

Renfe Mercancías visita o Porto de Sines

Visita      RenfeResponsáveis da área de transporte ferroviário de contentores da Renfe Mercancías estiveram no Porto de Sines com o objetivo de visitar os terminais portuários e as respetivas interfaces ferroviárias. A visita foi organizada pela CPCarga e teve um especial enfoque no movimento de contentores no Terminal XXI, cujo tráfego de inland utiliza em mais de 90% o transporte ferroviário.

Os referidos operadores de transporte ferroviário são parceiros de referência para o processo de desenvolvimento do Porto de Sines, desempenhando um papel fundamental na extensão do porto no hinterland ibérico, pois permitem aos operadores logísticos estabelecerem cadeias de transporte intermodais regulares e mais amigas do ambiente.

A importância da melhoria da rede ferroviária para Espanha, os níveis de crescimento do Porto de Sines nos contentores e a expansão do Terminal XXI foram temas que mereceram uma especial atenção da Renfe, que, em parceria com a CP Carga, podem oferecer novas soluções de transporte ibéricas muito interessantes.

O novo módulo ferroviário da Janela Única Portuária mereceu também um papel de destaque, pois a interoperabilidade informacional entre o transporte marítimo, os terminais portuários, o transporte ferroviário e os portos secos no hinterland, é um especto da maior importância para a competitividade e a transparência das cadeias logísticas que utilizam o porto.

Recorde-se que em 2013 foram realizados mais de 4000 comboios de carga de e para os navios e o índice de crescimento continua a verificar-se durante o corrente ano de 2014. A MSC é a principal entidade que encomenda a realização de comboios com o objetivo de oferecer soluções integradas para os importadores e exportadores.

Porto de Sines