free web
stats

Apontamento webrails.tv no Braga BRInCKa

dn_estacao_IMG_9136 A cidade de Braga recebeu no passado fim-de-semana mais uma edição da Brincka LEGO© Fan Event, já reconhecida pela organização como a maior edição até hoje, não só em termos de área e de visitantes, como também em número de peças, de temáticas e de mesas de associados da PLUG presentes num só local. A webrails.tv esteve presente neste evento, e abordou alguns dos AFOL’s (Adult Fan of LEGO©) que se deslocaram até ao Minho para com os seus trabalhos e maquetes deslumbrarem miúdos e graúdos, nomeadamente com o sempre cativante movimento de locomotivas e carruagens LEGO©.

. A webrails.tv esteve à conversa com João Campos e Luis Pedro, dois dos membros do PLUG que estiveram presentes nesta que foi a maior exposição Ibérica de construções com peças LEGO© até hoje.
.
.

João Campos e Luís Pedro são dois entusiastas LEGO© que estão separados por alguns anos de idade, mas estão bem juntos na dedicação que nos últimos tempos têm vindo a entregar à temática Carrilana, assente em peças LEGO©. A mesa deles é uma das maiores deste evento, e abarca desde as réplicas de Comboios reais e contemporâneos até às Locomotivas a Vapor de criação livre, que mesmo sem terem uma base real como inspiração, são perfeitamente funcionais e capazes de circular autonomamente.

Um facto curioso de algumas das mais interessantes criações do João, é que para poder ser dada a primazia ao detalhe e às escalas, por vezes é deixada para segundo plano a capacidade automotiva dos modelos, podendo ainda assim circular sendo “empurrados” por vagões motorizados. O resultado leva-nos quase a um cenário bastante típico e singular de Portugal dos Anos 80, onde o Diesel e o Vapor conviviam em pleno, como foi o caso pore exemplo durante vários anos nas vias estreitas do Caminho-de-Ferro do Porto à Póvoa de Varzim e Guimarães.

DN_presid_IMG_8779Na mesa destes dois membros do PLUG encontramos ainda alguns modelos MOC LEGO© (My Own Construction) do Luís, como um típico Edifício de Passageiros e ainda um “barracão” de Mercadorias, bem similar aos vários que ainda se podem encontrar na Ferrovia Lusitana nos dias de hoje.

Juntando a liberdade artística à vontade de respeitar a traça original dos edifícios, estes modelos MOC sempre nos acabam inspirando e relembrando outros tempos e outros lugares, tanto a Sul como a Norte do nosso país, sendo que neste caso particular é mesmo mais a Norte que recaem as maiores fontes de ideias, dada a naturalidade do Luis Pedro ser o Porto e ele ter família natural de Trás-os-Montes, por onde a Ferrovia já escasseia mas as boas memórias permanecem. Aqui fica assim lançado o mote para uma paragem mais demorada junto destes trabalhos, numa próxima visita a um LEGO© Fan Event do PLUG.