free web
stats

Refer e Projeto SOS Azulejo assinam protocolo

azul_DNO Projecto SOS Azulejo e a Refer rubricaram um protocolo que visa a defesa do património azulejar ferroviário. O acordo assinado hoje entre o gestor de infraestrutura e o projecto da Policía Judiciária, é também uma forma de assinalar os 158 anos passados desde a inauguração do Caminho-de-Ferro em Portugal, destaca a Refer em comunicado.

“Atendendo à enorme relevância do património azulejar presente num número muito significativo de estações ferroviárias, e conscientes de que este é também um legado e uma herança cultural que cabe preservar e acautelar, a REFER, como forma de assinalar o 158º aniversário do caminho de ferro em Portugal, celebrou hoje, dia 28 de outubro, um Protocolo com a Polícia Judiciária visando o estabelecimento e o desenvolvimento de uma relação de colaboração e de cooperação de modo a alcançar a proteção mais eficaz possível deste património ferroviário”, refere o documento.

A colaboração entre Refer e Polícia Judiciária vem dar continuidade ” à estreita colaboração que, no domínio do Projeto SOS Azulejo, a REFER tem vindo a manter com a Polícia Judiciária e da qual o aspeto mais visível é a instalação de placas informativas nas estações e apeadeiros ferroviários dissuadindo o furto de azulejos, a sua recetação e a prática de atos de vandalismo sobre este património devidamente inventariado e cadastrado, comprometendo a circulação não detetada de azulejos nos circuitos comerciais, e permitindo a persecução criminal de gatunos e, também, dos recetadores,” destaca ainda a nota de imprensa que a webrails.tv teve acesso.