free web
stats

Revisores em Greve nos dias 2, 3, 5 e 6 de Abril

cpOs revisores da CP – Comboios de Portugal vão estar em greve nos dias a 2, 3, 5 e 6 de Abril. Em cima da mesa encontra-se o cumprimento de decisões dos tribunais relativas ao pagamento dos complementos nos subsídios desde 1996 por parte de CP.

De acordo com o site do Sindicato Ferroviário da Revisão Comercial Itinerante (SFRCI), a paralisação ocorre entre 2 e 6 de Abril, nos dias 2, 3, 5 e 6. Que nos dias 3 e 5 acompanha o pré aviso de greve dos ferroviários ao trabalho extraordinário em dia feriado, convocada pelo Sindicato Nacional dos Trabalhadores do Sector Ferroviário. Um protesto que acontece devido à redução do pagamento do valor pago nos feriados.

Os ferroviários da revisão reclamam uma dívida, que segundo dados do SFRCI, deverá rondar os 10 milhões de euros. Dívida que de acordo com Luís Bravo, presidente da SFRCI, se encontra em negociações com a administração da CP sem avanços à nove meses. “Decidimos quebrar a paz social, no período da Páscoa, com dois dias de greve, porque nestes nove meses de negociação, a administração criou a legítima expectativa de que os trabalhadores iriam ser ressarcidos e pensávamos que a empresa estava a proceder de boa-fé”, explicou o responsável do SFRCI à Agência Lusa.

A greve não compreende serviços mínimos decretados pelo Tribunal Arbitral, e a CP não assegura serviços alternativos, garantindo assim para os passageiros supressões difíceis de prever. E possibilidade de perturbações na tarde do dia 1 e manhã do dia 7.