free web
stats

Comunicado: Um mau exemplo no ano europeu do Património Técnico e Industrial

A webrails.tv publica na integra um comunicado conjunto do Movimento Cívico e Associações do Barreiro sobre o processo de desmantelamento de material circulante abatido da CP Comboios de Portugal, no Barreiro, para sucata.

.

Um mau exemplo no ano europeu do Património Técnico e Industrial

Quando se gosta da vida gosta-se do passado

Porque ele é o presente tal como sobreviveu

Na memória humana

Margarite yourcenar

1. UM MAU EXEMPLO NO ANO EUROPEU DO PATRIMÓNIO TÉCNICO E INDUSTRIAL

Exactamente no Ano Europeu do Património Técnico e Industrial, durante as próximas semanas serão destruídos como sucata vários equipamentos, nomeadamente: carruagens únicas, locomotivas diesel, tractores, gruas, vagões e outros, existentes no Barreiro.

A CP/EPE vendeu como sucata materiais únicos no Barreiro e no País, desbaratando desta forma bens e equipamentos fundamentais para a preservação da memória ferroviária do Barreiro e do País. Particularmente a nossa terra irá perder total e definitivamente uma parte da sua memória inalienável.

2. É PRECISO PARAR A DESTRUIÇÃO DO PATRIMÓNIO TÉCNICO PARA A SUCATA

Realizámos diversas diligências para tentar salvar algum deste património técnico: reuniões com a Câmara Municipal, carta ao senhor Secretário de Estado das Infra-estruturas, Transportes e Comunicações, cartas à CP/EPE, ao Museu Ferroviário e contactos com os Grupos Parlamentares. Em vão!

Infelizmente nos últimos anos tem desaparecido muito material circulante que marcou a paisagem ferroviária das últimas décadas no pólo ferroviário do Barreiro, relevante há mais de 150 anos!

Consideramos ser da maior importância a preservação de, pelo menos, algum do material circulante e outros equipamentos técnicos que, em nosso entender, devem ser mantidos no Barreiro até que seja possível concretizar a realização de um Núcleo Museológico Ferroviário.

Ainda não é tarde! Ainda é possível evitar que seja destruído parte do equipamento característico da actividade ferroviária nesta região, de modo a poder integrar no futuro próximo o Núcleo Museológico Ferroviário do Barreiro, nosso objectivo central.

3. O PATRIMÓNIO FERROVIÁRIO NUMA PERSPECTIVA DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

O património ferroviário faz parte da identidade do Barreiro e está na memória colectiva das suas gentes, constituindo parte integrante da sua história e das suas características identitárias.

Perspetivamos a sua salvaguarda e preservação num contexto de desenvolvimento local e regional, não esquecendo a sua relevância nacional e até internacional.

A criação de condições que permitam alcançar estes objectivos passa pela adopção de estratégias corajosas e participadas; pela elaboração de projectos apoiados com potencial de comparticipação oficial (europeia); pela realização de estudos e trabalhos de âmbito local, adequados à preservação da nossa história, com sinergias com outras áreas (turismo), sempre na perspectiva de desenvolvimento sustentável.

É urgente criar e organizar o Núcleo Museológico Ferroviário do Barreiro!

É imprescindível a Classificação do Património mais significativo!

É necessário projectar o nosso Património Arqueológico Industrial como Património Nacional e/ou da Humanidade!

A nossa memória tem futuro!

Barreiro, Julho de 2015

Movimento Cívico para a Salvaguarda do Património Ferroviário do Barreiro

Associação Barreiro Património Memória e Futuro

Associação das Colectividades do Concelho do Barreiro

.