free web
stats

Parlamento Europeu vai começar a trabalhar sobre o 4º Pacote Ferroviário

clientesO passado dia 19 de março ficou marcado pela nomeação oficial, por parte do Comité  dos Transportes e Turismo do Parlamento Europeu, dos redatores que vão liderar o debate sobre o 4º Pacote Ferroviário.

A CER , como representante do sector ferroviário europeu, está a estudar a proposta da Comissão para munir os redatores de toda a experiencia do sector ferroviário.

Segundo o Diretor Executivo da CER, Libor Lochman,  “Este pacote vai afetar profundamente o funcionamento do sector” referiu, e continuou “tanto a parte técnica, como as estruturas que tutelam as companhias, e a liberalização do mercado doméstico de passageiros. A transformação vai modelar o futuro, e nos estamos preparados para dar um contributo para definir o rumo da política de transportes europeia.”

Neste contexto, a CER tomou nota dos resultados da orientação do debate ocorrido no Conselho dos Transportes a 11 de março. Várias foram as reservas levantadas por estados membros quanto às propostas de recast da Diretiva da Interoperabilidade. O sector ferroviário partilha o objetivo do Conselho em  estabelecer ligação entre a Agencia Ferroviária Europeia (ERA) e as Autoridades de Segurança Nacionais, desde que não se comprometa a segurança ferroviária ou se coloquem mais encargos  administrativos para as empresas ferroviárias.

MEP  Said el Khadraoui (S&D, BE) vai ser o redator para as propostas de alteração da Diretiva 2012/34 (também conhecida como Recast do 1º Pacote Ferroviário), MEP Mathieu Grosch (EPP, BE) vai ser o redator para a revisão da regulamentação 1370/2007 sobre as Obrigações de Serviço Público, MEP Roberts Zile (ECR, LV) vai ser o redator para a rever regulamento que institui a Agência Ferroviária Europeia, MEP Michael Cramer (Greens/EFA, DE) vai ser o redator revisão da Diretiva sobre Segurança, MEP Izaskun Bilbao (ALDE, ES) vai ser o redator da revisão da Diretiva Interoperabilidade, e MEP Jaromir Kohlicek (GUE, CZ) vai ser o responsável pela emissão da revogação do Regulamento 1192/69.