free web
stats

MIE financia ferrovia portuguesa em 379 milhões de euros

img: Nuno Morão

img: Nuno Morão

A ligação Ferroviária Aveiro-Vilar Formoso no Corredor Atlântico e Corredor Internacional Sul da rede transeuropeia de transportes (RTE-T), e as acessibilidades Rodoferroviarias ao Porto de Leixões, estão entre os projectos portugueses a serem financiados no quadro do Mecanismo Interligar a Europa (MIE).

A Comissão Europeia anunciou esta sexta-feira a lista de 195 projectos no sector dos transportes que receberão 6,7 mil milhões de EUR de financiamento ao abrigo do MIE. Dos 8 projectos portugueses presente na lista três inserem-se no sector ferroviário, e o financiamento europeu, entre estudos e construção, ronda os 379 milhões de euros.

Artigo completo encontra-se disponível para subscritores.

A decisão de financiamento proposta deve em seguida ser formalmente aprovada pelo Comité de Coordenação do Mecanismo Interligar a Europa, que se reunirá em 8 de julho de 2016. A adopção da decisão pela Comissão está prevista para o final de julho de 2016. A Agência de Execução para a Inovação e as Redes (INEA) elaborará seguidamente as convenções de subvenção individuais, que serão assinadas com os beneficiários dos projectos no segundo semestre de 2016.

Os projectos seleccionados deverão contribuir para a digitalização e a descarbonização dos transportes, em consonância com a agenda política mais alargada da Comissão, e fomentar a criação de emprego e crescimento da União Europeia.