free web
stats

Linha de Cascais em debate esta quarta-feira

img: Nuno Morão

img: Nuno Morão

A linha de Cascais será o tema de debate esta quarta-feira na sala 2 da Fundação Calouste Gulbenkian.

A iniciativa, promovida pela ADFERSIT, visa abordar a obsolescência técnica do corredor ferroviário da “Linha” e reflectir sobre o papel que, actualmente, tem no importante eixo de mobilidade Cascais/Lisboa.

Esta Sessão/Debate, ocorre depois de um importante debate estrutural para a Cidade de Lisboa, promovido pela Ordem dos Engenheiros, na passada sexta-feira, onde foram abordados com alguma polémica, a opção Portela + 1, e questionado o ministro Pedro Marques se essa era uma solução provisória ou definitiva.

A obsolescência da infraestrutura e do material circulante da linha de Cascais; a questão do transito de mercadorias entre a zona portuária e a rede geral em Alcântara mas, igualmente, a intenção camarária de desviar a linha de Cascais para a linha de cintura, desactivando a linha de Cascais até ao Cais do Sodré a partir de Alcântara, serão os temas de debate.

As questões expressam a actualidade, susceptíveis de gerar polémica, quando se reflecte sobre um corredor ferroviário e o seu contexto na mobilidade de grandes fluxos urbanos.

Dinamizam a sessão para lançar o debate, o Engº Mário Olivença, o Prof. Carmona Rodrigues, e o Dr. Manuel P. Moura.

A Sessão/Debate sobre o “AS ENCRUZILHADAS DA LINHA DE CASCAIS”, terá lugar no próximo dia 29 de Março (Quarta Feira), às 17h00, na Fundação Calouste Gulbenkian.”