free web
stats

MNF integra rede europeia de Turismo Industrial

A ERIH – European Route of Industrial Heritage reconheceu o Museu Nacional Ferroviário (MNF) como ponto âncora na rede europeia de Turismo Industrial que dinamiza. A integração coloca o Museu português na lista de sítios a visitar recomendados pela instituição.

A destinação coloca o Museu Nacional Ferroviário, no Entroncamento e Núcelo do Lousado, numa rede europeia de divulgação e promoção de Turismo Industrial com mais de 1300 sítios e museus industriais em 13 países europeus.

A integração na rede ERIH sequência da aprovação da candidatura do MNF, agora conhecida. “A candidatura do Museu Nacional Ferroviário à ERIH – European Route of Industrial Heritage foi aprovada” informou o MNF em comunicado divulgado no dia 22 de Março.

Refere ainda nota da museu português, que tivemos acesso por terceiros, sobre o reconhecimento: “de acordo com os critérios da ERIH, obtêm a classificação de Pontos-Âncora os sítios que são considerados de excepcional importância histórica em termos de património industrial e que oferecem uma experiência de qualidade aos visitantes, constituindo marcos do Património Industrial Europeu”.

Integram a lista de sítios ERIH, o Museu Nacional Ferroviário no Entroncamento e no Lousado no Concelho de Vila Nova de Famalicão.