free web
stats

VV vai ter comboio histórico no Verão – Direito de Resposta

Na sequência da publicação “VV vai ter comboio histórico no Verão“, a webrails.tv recebeu a seguinte nota de um quadro da EMEF. No artigo é apontada falta de rigor no que diz respeito à situação da E214, e esclarece a situação.

. Bom dia,

No artigo VV vai ter comboio histórico no Verão são feitas afirmações que não correspondem à verdade nomeadamente:

A webrails.tv apurou que a E214 se encontra em Contumil, já homologada, embora o seu estado ainda esteja em análise para ver se a vão ou não modificar para consumir diesel.

A locomotiva E214 está a realizar uma peritagem técnica pela Equipa de Vapor do PON da EMEF, peritagem essa que comtempla prova hidráulica/inspeção à caldeira e aos diversos acessórios de segurança nela instalados por Organismo Autónomo (ISQ) acreditado no Ministério da Economia.

Após isso e depois de ser entregue toda a documentação pelo proprietário no IPQ Instituto Português da Qualidade e no IMT – Instituto de Mobilidade e Transportes é que poderemos ter a locomotiva homologada pelas entidades atrás citadas ou seja a locomotiva não está homologada neste momento.

Quanto a modificar para queima a gasóleo nota-se que são afirmações de quem nada conhece de como funciona o vapor e não conhece a locomotiva E214. Mais uma vez estamos na presença de afirmações descontextualizadas sem o mínimo conhecimento técnico.

Para ser possível colocar esta locomotiva a vapor seria obrigatório construir uma caldeira nova dado que a atual é em cobre sendo incompatível com a queima a gasóleo, alem de ter outras particularidades que a torna muito difícil mesmo com uma nova caldeira…

Mais uma vez falam de assuntos sem serem rigorosos na informação, intoxicando assim a opinião publica, este tipo de jornalismo não é necessário no geral muito menos na ferrovia.

Fica assim o esclarecimento técnico e o apelo ao rigor na informação difundida.

Carlos Machado
Director

EMEF | Empresa de Manutenção de Equipamento Ferroviário, S.A.
Parque Oficinal do Norte

.

A webrails.tv agradece o esclarecimento recebido esta segunda-feira, mas rejeita o epíteto de pouco “rigorosos na informação, intoxicando assim a opinião publica”, até porque estranha, como publicação especializada, a dificuldade que tem tido no acesso à informação dentro do grupo CP, uma empresa pública, sobre a proposta do Vale do Vouga.