free web
stats

Apresentação do Manifesto “Portugal, uma ilha ferroviária na União Europeia” a engenheiros esgota

feiraBrinquedo_01A Conferência “A Solução Ferroviária” organizada pela Ordem dos Engenheiros (OdE), para a classe e a sociedade em geral conhecerem o Manifesto “Portugal, uma ilha ferroviária na União Europeia”, esgotou a capacidade do auditório da sede.

A sessão, agendada para dia 28, foi anunciada no passado dia 16 e a 17 já estava esgotada. Adiantava a plataforma digital da associação na manhã de sábado, para os pouco mais de 100 lugares da sala: “Esgotamos a lotação do evento!”

Sobre a Conferência, que encaixa no quadro Ferrovia 2020 e onde a classe tem um papel de relevo, a proposta do OdE refere:

“Interessa, pois, à Ordem dos Engenheiros, no âmbito da sua missão e atribuições, conhecer os fundamentos do documento, debatendo-os num contexto de esclarecimento dos seus membros e da Sociedade”.

Recorta-se do programa desenhado para a tarde de dia 28 de Fevereiro a apresentação do Vice-presidente da Infraestruturas de Portugal, Carlos  Fernandes, na comunicação “TRANSPORTE FERROVIÁRIO PÓS 2020″.

Intervenção em que será ainda interessante ouvir, principalmente para aqueles que marcaram presença na sessão ADFERSIT de Dezembro, o que terá a dizer sobre a concorrência ao modo de transporte 2030.

Nessa sessão, ao cair do pano, a audiência desmistificou a ideia de concorrência dos mega camiões, apresentada na sessão,  com aquilo que já hoje justifica a alternativa do modo ferroviário à rodovia:

Artigo completo encontra-se disponível para subscritores.

Em destaque estarão ainda as comunicações “ESBOÇO COMPARATIVO DE TRANSPORTE DE MERCADORIAS”, por Fernando Santos e Silva, “A REDE CORE” por Mário Ribeiro e a “A REDE COMPREHENSIVE”, por Luís Cabral da Silva.

A primeira apresentação entra num tema onde a Autoridade Mobilidade Transportes só consegue libertar conhecimento (anual, semestral, trimestral, mensal) dos movimentos portuários. Área que, a um nível inferior do Regulador, estamos a entrar em Março e ainda não houve resultados das mercadorias de 2017 dos operadores Medway e Takargo.

A segunda e terceira intervenções, os corredores principal e complementar, remetem para a estratégia europeia da mobilidade das mercadorias entre portos e os grandes centros de consumo. Por outro lado, é também uma área que define o financiamento europeu à ferrovia.

Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República, encerra a Conferência “A Solução Ferroviária”.

O programa completo pode ser encontrado AQUI

Entretanto a webrails.tv a disponibilidade do auditório está esgotada mas, e não é novidade, que quando o interesse se traduz em grande procura, a OdE tem por hábito transferir os eventos para salas maiores. Foi assim no debate sobre o novo aeroporto em Lisboa.