free web
stats

Ambiente ferroviário em maquetas

Estação do Pinhão - Maket for You

Estação do Pinhão – Maket for You

Até há poucos anos, fazer a decoração de uma maquete em ambiente ferroviário português era uma tarefa quase impossível por não existirem no mercado kits que representassem os vários artefactos tipicamente portugueses, dependendo do engenho dos modelistas em fazerem os seus próprios elementos a partir do zero ou a partir de kits disponíveis no mercado e aportuguesá-los.

Posto de sinalização de Ermesinde - Maket for You

Posto de sinalização de Ermesinde – Maket for You

Nos últimos anos, digamos últimos 10 anos, esta situação alterou-se radicalmente pela entrada no mercado de 2 marcas que se dedicam a essa “missão”, a Modelismo Artesanal e a Maket for You, à escala H0.  Não esquecer a Proximus que na primeira década do século XXI produziu alguns acessórios, mas que entretanto desapareceu.

Dois fabricantes com dois percursos distintos.

Martingança: edifícios de passageiros e mercadorias - Maket for Yoy

Martingança: edifícios de passageiros e mercadorias – Maket for Yoy

A Maket for You dedicou-se desde o início a produzir edifícios completos, tipicamente de instalações ferroviárias, como edifícios de estações, edifícios de mercadorias, uma igreja, depósito de água, instalações sanitárias de estação, etc.  A sua realização mais espectacular foi a Estação do Barreiro apresentada na LOCOMODELS_EXPO 2017.

A sua realização mais recente, foi apresentada esta semana, o edifício da Estação de Martingança, com detalhes espectaculares.

Automotora, dresina, posto de abastecimento e posto de polícia - Modelismo artesanal

Automotora, dresina, posto de abastecimento e posto de polícia – Modelismo artesanal

Já a Modelismo Artesanal começou pelos kits de acessórios mais simples como janelas típicas de edifícios ferroviários, pequenos artefactos das nossas estações, como relógios, bancos, cancelas de passagem de nível, cercas de betão, a casa de agulheiro, etc.  Com o sucesso das primeiras propostas, começou a produzir também edifícios de instalações ferroviárias tendo começado pela célebre casa de guarda de passagem nível que foi uma verdadeira inovação. Outra inovação desta fabricante, foram o posto de polícia e o posto de abastecimento da Sacor. A sua realização nesta área, mais marcante, foram os kits da Rua da Estação, apresentados na LOCOMODELS_EXPO 2017.

Rua da Estação - Modelismo Artesanal

Rua da Estação – Modelismo Artesanal

Entretanto, também com grande surpresa, produziu kits e de materal circulante, de via estreita, a automotora 9500 e o eléctrico “caixote ” de Lisboa, e de via larga, a dresina e mais recentemente o anúncio das ambulâncias postais Linke Hofmann Busch e das automotoras Allan 0350.

Também esta semana, anunciou o armazém ferroviário CUF, simplesmente espectacular.

Armazém ferroviário CUF - Modelismo Artesanal

Armazém ferroviário CUF – Modelismo Artesanal

A partir destes kits, a imaginação e o engenho dos modelistas pode rumar à realização de dioramas, módulos e maquetes únicas, dependendo da imaginação e do ambiente que se pretende representar.

Dois fabricantes, dois percursos diferentes, dois modelos de negócio. Penso que mais provas de que o modelismo ferroviário português  à escala tem mercado, tem futuro, saibam os modelistas apoiar estas iniciativas adquirindo os seus produtos. Uma chamada de atenção, não se esqueçam da escala N e outras.

Relativamente à escala N (1:160), recentemente formou-se uma associação de modelistas desta escala, a N Clube Model Trains, onde certamente há modelistas de ambiente português, havendo já algumas produções de material circulante nesta escala. Porque não avançam com kits para maquetes?

NOTA: Todas as fotografias apresentadas são dos sites das marcas.