free web
stats

Transportes: INE liberta números preliminares de 2017

O Instituto Nacional de Estatísticas (INE) libertou números referentes a 2017 na “Actividade dos transportes”. Os valores são ainda preliminares avisa a entidade.

Enquanto não há confirmação os resultados anuais de 2017 remetem para 141 753 000 passageiros, entre urbano (125 190 000), interurbano (16 312 000) e internacional (251 000), transportados. Mais 5,9% que no ano anterior.

A ferrovia de mercadorias movimentou, dados também preliminares,  10 632 000 toneladas, +2,4% face a 2016.

No conjunto do ano de 2017, o número de passageiros transportados por metropolitano – 235 695 000 – cresceu 5,6%, +5,3% em 2016.

Concorreram para o valor apurado, o Metro de Lisboa com 163 201 000 passageiros, Metro do Porto com 60 592 000, e Metro do Sul do Tejo 11 902 000.

Os valores integram o relatório do INE referente ao quarto trimestre de 2016 da Actividade dos transportes. A publicação fecha  os últimos quatro meses do ano passado.

Ferrovia Pesada

No 4º trimestre de 2017 o número de passageiros transportados por modo ferroviário continuou a aumentar (+4,5%, o equivalente a 36,1 milhões), após acréscimos sucessivos nos anteriores trimestres do ano (+6,3% no 3ºT, +6,6% no 2ºT e +6,2% no 1ºT). Em volume (passageiros-km) o crescimento foi 5,2% (+6,0% no trimestre anterior), ao qual correspondeu um total de 1,1 mil milhões de passageiros-km.

O tráfego suburbano apresentou uma subida de 4,8% (+6,4% no 3ºT), cabendo-lhe 32,1 milhões de passageiros, o equivalente a 88,8% do total. Em passageiros-km o acréscimo foi 4,3% (+5,7% no 3ºT).

Nas deslocações interurbanas registou-se uma variação de +2,1% (+5,7% no 3ºT), para a qual contaram 4,0 milhões de passageiros, tendo o correspondente número de passageiros-km aumentado 6,8% (+6,3% no 3ºT).

O número de deslocações internacionais estabilizou (após +9,6% no 3ºT), num total de 49 mil passageiros. O mês de novembro foi o único com aumento (+6,3%).

Mercadorias

As mercadorias transportadas por modo ferroviário voltaram a registar um crescimento significativo (+8,3%, +7,1% no 3ºT), tendo totalizado 2,8 milhões de toneladas. O respetivo volume de transporte voltou a apresentar um crescimento de dois dígitos (+10,3%; +11,6% no 3ºT).

Ferrovia Ligeira

No 4º trimestre, o número de passageiros transportados pelo conjunto dos sistemas de metropolitanos de Lisboa, Porto e Sul do Tejo aumentou 2,9% (+3,8% no 3ºT), totalizando 62,0 milhões.

O metropolitano de Lisboa registou um aumento de 3,8% (+3,6% no 3ºT), em resultado da movimentação de 42,8 milhões de passageiros (69,1% do total nacional). A taxa de utilização foi 26,1% (+0,6 p.p.).

No metro do Porto a evolução foi de +0,4% (+4,8% no trimestre anterior), o equivalente ao transporte de 16,0 milhões de utentes, registando-se ainda uma taxa de utilização de 20,3% (+0,6 p.p.).

O Metro Sul do Tejo (3,2 milhões de passageiros) registou a maior subida (4,8%; +1,2% no trimestre antecedente).

O documento do INE pode ser acedido AQUI