free web
stats

Acordo colectivo de trabalho na IP

Concluiu-se, com a articulação das tutelas sectorial e financeira, o processo negocial entre as Infraestruturas de Portugal, S.A. e as estruturas sindicais para a celebração de um novo acordo colectivo de trabalho para os trabalhadores integrados na IP e empresas Participadas.

Em consonância com o esforço que todas as partes colocaram no processo negocial para que se efectivasse um efectivo avanço nas condições dos trabalhadores desta empresa pública, este acordo contou com a assinatura de todas as estruturas sindicais.

Os efeitos destas alterações reportam-se a 1 de Janeiro de 2019, destacando-se como principais avanços na relação laboral o aumento dos subsídios existentes, a uniformização da atribuição de determinados direitos entre trabalhadores, nomeadamente o direito a 25 dias de férias ou a compensação pelo trabalho suplementar ou nocturno, e a reorganização dos índices das categorias profissionais.

Com esta alteração ao acordo promove-se uma maior equidade entre trabalhadores da Ex-REFER, E.P.E. e da Ex-EP, S.A. e, consequentemente, promove-se a melhoria das condições laborais dos trabalhadores desta empresa pública de referência que zela pela nossa infraestruturação ferroviária e rodoviária.

MIH – Comunicado Quinta-feira, 11 de Abril de 2019