free web
stats

O N Club Model Trains inicia actividade

O novo logótipo escolhido pelos membros do clube

O novo logótipo escolhido pelos membros do clube

O N CLUB MODEL TRAINS iniciou a sua actividade no primeiro trimestre de 2019 depois da ultima reunião dos membros em Novembro de 2018, sendo que também já está activo o site do clube (seguir o link inserido no nome do clube), tendo como webmaster um dos seus membros, Cláudio Silva.

Nesta reunião, foi decidido a criação do site internet e iniciar o projecto de uma maqueta modular de 4,20 m por 40 cm de profundidade, que será a montra do clube em exposições. Infelizmente, por falta de tempo, o N CLUB Model Trains ainda não estará representado formalmente nas próximas exposições do Encontro de Primavera 2019 do CIMH0, que decorre já na próxima semana de 26 a 29 de Abril e na Fermodel 2019, que decorrerá nos dias 1 e 2 de Junho próximo, mas far-se-á representar pelo seu membro Eric Didier, através da sua maqueta Valdécrins, e conta com a presença de outros membros para prestar toda a informação aos interessados.

O projecto para a maqueta de exposições

O projecto para a maqueta de exposições

Para já podemos anunciar que a maqueta para exposições, a cargos dos membros Celestino Cruz, Eric Didier e António Madeira (que também já deu uma entrevista à webrails.tv e apresentou o seu layout Green Farm), será em via dupla electrificada em que a parte cénica tem 5 módulos contínuos, sem o separador cénico, que só existe nas 2 extremidades, mas fazendo uma oval técnica com resguardo das composições (três vias de 300 cm para cada sentido de circulação, podendo estacionar em cada uma duas composições de 150 cm compostas por locomotiva e 7 a 8 carruagens actuais) e posto de reparações pontuais na traseira. Não haverá ligação física entre as duas vias nesta primeira fase do projecto, sendo uma das vias digital e outra via analógica, mas podendo as duas vias ser digitais ou analógicas.

Como grande objectivo para 2020, o clube conta estar presente nas exposições com a maqueta suficientemente avançada e operacional.

Com o inicio de actividade e o anuncio da maqueta para exposições, estão também disponíveis as novas normas de construção modular para escala N, disponíveis no site, que se podem consultar e descarregar. Estas novas normas são específicas e diferente das normas mais clássicas que já existem. A inspiração vem de dois outros grupos existentes em França, o SceNic e o Les amis du Rail FTM.

O viaduto em curva

O viaduto em curva

Como principal diferença, está a não compatibilidade com outras normas porque o dimensionamento entre eixo de via que à escala 1:160  é de 25mm na dimensão europeia, dimensão que é respeitada nestas novas normas, sendo que nas normas clássicas esta dimensão é de 30 mm, o que é enorme em escala N, sobretudo no aspecto cénico que se pretende o mais próximo da realidade possível.

Por esta razão, e respeitando a norma MOROP NEM 112, o raio de curvatura mínimo possível nestes módulos será de 700 mm, sendo que no projecto da maqueta do clube, o raio mínimo que será utilizado é de 2,30 m!!

O relevê em curva, que a nova norma contempla

O relevê em curva, que a nova norma contempla

Estas dimensões permitem implementar outro detalhe muito importante, o relevê em curva em modelismo, como existe nas curvas reais. No viaduto de Valdécrins, podemos ver uma curva de 1300 mm.

Esta norma prevê também os itens de composição de showcase e a utilização da via flexível da PECO código 55 ou 80. Outro conceito que é introduzido é o de separador cénico entre módulos de proprietários diferentes, que vai permitir a ligação entre as linhas de módulos de proprietários diferentes, usando éclises que permitirão uma junção mecânica “perfeita” como explicado na norma. Para além desta vantagem, permitirá também que cada participante possa ter um tema nos seus módulos que não tem propriamente que ter continuidade com outros, até pela existência do corte cénico, e poder ver os seus modelos a circular em modo “casa própria”.

Para os amantes e praticantes da escala N, todas as dúvidas poderão ser abordadas e esclarecidas já no próximo Encontro de Primavera 2019 do CIMH0, junto do Eric Didier e do seu showcase Valdécrins.