free web
stats

Falecimento do Presidente João Paulo Flores

Por: SMAQ

A Direção do SMAQ informa com enorme pesar o falecimento, ocorrido ontem, do seu Presidente João Paulo Flores.

O SMAQ e os Maquinistas perderam o seu mais empenhado defensor. João Flores tinha uma visão holística das coisas. Concebia o SMAQ e os Maquinistas como parte integrante e integrada no Caminho de Ferro Nacional. Era um Ferroviário puro. A sua principal preocupação era sempre a necessidade de salvaguardar a missão essencial da Ferrovia: servir o Povo a que pertencemos. Em todos os foros, debates e reuniões, com todas as entidades, desde o Ministro da tutela, empresas, organizações do setor, até ao mais comum dos ferroviários, fazia sempre questão de deixar a mensagem: o SMAQ não faz parte dos problemas; faz parte das soluções.

Neste projeto diretivo o João Flores era o aglutinador, o cimento da equipa. Era ele quem ouvia todos, limava as diferenças, fazia a síntese e no final conseguia consensualmente estabelecer uma posição. Personificava perfeitamente o projeto. Compete-nos agora honrar-lhe a memória.

Agradecemos todas as mensagens de conforto recebidas até agora. Elas só mostram o quanto era querido por todos, com o seu profissionalismo, inteligência, amizade e natureza apaziguadora e consensual. Devemos sempre lembrá-lo com alegria, gratidão e muita saudade.

Enviamos as nossas mais sentidas condolências à sua família, particularmente à sua esposa e filhas que, sabemos, muito amava.

A Direção do SMAQ

Nota da Redacção

João Flores começou a carreira de Maquinista em Lisboa Rossio e estava no Depósito de Coimbra há mais de 25 anos.