free web
stats

CFL aumentou oferta para transporte de fiéis

A direcção dos Caminhos de Ferro de Luanda (CFL) disponibilizou três locomotivas que estão a apoiar a igreja católica, no transporte de mais de cinco mil peregrinos que escalaram sábado último a cidade de Ndalatando, capital do Kwanza Norte, afim de participarem da peregrinação anual ao Santuário de Maria Auxiliadora.

As locomotivas, com cerca de 10 carruagens cada, começaram a circular na cidade de Ndalatando às 12 horas de sábado, tendo a última aportado na estação local apenas às 20 horas, após registar uma avaria numa das estações do município de Kambambe.

Segundo uma fonte da igreja católica, o recurso ao comboio que deverá igualmente levar de volta os peregrinos após o término da actividade, constituiu uma medida adoptada pela organização do evento por apresentar maiores condições de segurança e comodidade para o passageiros, garantir o transporte de um maior número de pessoas e bens, bem como oferecer custos mais baixos de transportação.

Da presente peregrinação, com término previsto para hoje, domingo, participam mais de oito mil fiéis católicos vindos das províncias de Luanda, Benguela, Kwanza Sul, Bengo, Malanje, Uíge, consideradas regiões de Angola onde está representada a congregação dos padres salesianos de dom Bosco, promotores da actividade

O responsável da paróquia da Kipata, local onde está localizado o santuário de Maria Auxiliadora, José Francisco Lopez revelou que, o número de fiéis que participa da peregrinação cresce anualmente devido as melhorias que vão se registando nas estradas, obrigando a organização a racionalizar o espaço reservado para os acampamentos e a disponibilização de serviços indispensáveis ao bem-estar das pessoas.

Tradicionalmente realizada nos dias 25 e 26 de Maio, a festa, em homenagem à Maria Auxiliadora, acontece há 214 anos.

Fundada em 1990, a Diocese de Ndalatando, que tem como bispo dom Almeida Kanda, conta com nove paróquias e 102 missionários, entre os quais 27 padres, seis religiosos e 69 madres, auxiliados por 656 catequistas.