free web
stats

STCP com reforço em 8 linhas de autocarro no Porto

Oito linhas da STCP – Sociedade de Transportes Colectivos do Porto vão ser reforçadas, a partir de amanhã, dia 1 de outubro, fortalecendo a oferta do serviço de transporte público rodoviário na cidade do Porto, tendo por base uma maior procura, devido ao funcionamento regular de escolas e universidades, o regresso gradual da sociedade à normalidade, bem como o cumprimento da lotação, por veículo, de 2/3 de capacidade máxima autorizada, imposta na atual conjuntura de Pandemia.

Esta operação traduz-se num aumento de cerca de 16% no número de viagens oferecidas, em horário diurno, e aos dias de semana, dado que as linhas 200, 201, 203, 204, 205, 207, 208 e 305 contarão, no seu conjunto, com 160 viagens adicionais por dia.

O complemento da oferta que agora se verifica surge enquadrado nas medidas de prevenção da pandemia Covid-19 implementadas pela operadora, e em resposta ao pedido da Câmara Municipal do Porto a um reforço transitório da oferta para os próximos meses que, conforme já é do conhecimento público, será financiado na totalidade pelo município. De referir que a STCP é o operador rodoviário exclusivo na cidade do Porto.

Linhas reforçadas a partir de 1 de outubro

Linha 200 (Bolhão-Cast. Queijo)

Linha 205 (Campanhã-Cast. Queijo)

Linha 201 (Aliados-Viso)

Linha 207 (Campanhã-Mercado da Foz)

Linha 203 (Marquês-Cast. Queijo)

Linha 208 (Aliados-Aldoar)

Linha 204 (Hosp. de S. João-Foz)

Linha 305 (Cordoaria-Hosp. de S. João)

A STCP está a desenvolver todos os esforços para que, dentro de similar enquadramento, ainda durante o mês de outubro, seja possível aumentar a oferta em linhas que servem também os restantes concelhos servidos – Gondomar, Maia, Matosinhos, Valongo e Vila Nova de Gaia.

A STCP tem, no entanto, limitação dos recursos disponíveis para aumentos de oferta. Assim, para responder a esta necessidade urgente de aumento de viagens em algumas linhas, a operadora está a avaliar outras soluções, nomeadamente através da subcontratação de operação de linhas ou pelo aluguer e/ou aquisição de autocarros.

De momento, para conseguir operacionalizar os reforços das linhas do Porto, a STCP avançou já com a subcontratação da Linha 403.

Em mais detalhe no que se refere a esta linha subcontratada podemos informar:

A STCP adjudicou a subcontratação da operação da Linha 403 (Boavista [Casa da Música-Campanhã]) à empresa Maia Transportes, a partir de amanhã, dia 1 de outubro.

Os autocarros que irão circular estarão devidamente identificados com a marca STCP e serão operados de acordo com as condições que vigoram em toda a Rede da empresa.

A subcontratação apenas abrange os dias úteis, mantendo a STCP a operação das linhas aos fins de semana e feriados.

A adjudicação da subcontratação tem a duração de três meses, de 1 de outubro a 31 de dezembro.

No mesmo enquadramento, prevê-se para a próxima semana a subcontratação da Linha ZC (Estádio do Dragão-Areias), que contará com autocarros minis com uma capacidade de lotação superior à que, atualmente, a STCP tem afeta.

Medidas de Prevenção

Importante salientar que a STCP continua a realizar ações de higienização e desinfeção das viaturas diariamente, de modo a reduzir potenciais riscos de contaminação e que os veículos das novas linhas subcontratadas respeitarão as mesmas condições.

Estão também em vigor todas as medidas preventivas, de acordo com as orientações das entidades competentes, com o objetivo de assegurar o serviço de transporte público, bem como de garantir a segurança de todos os viajantes: passageiros e motoristas:

* Cumprimento da lotação de 2/3 da capacidade total autorizada em cada veículo (a informação está disponível à entrada das viaturas, bem como no interior);
* Uso de máscara obrigatório durante toda a viagem de autocarro ou elétrico;
* Venda de títulos de transporte a bordo só é possível com valores certos, não havendo lugar a trocos;
* Manter a distância de 1 metro nas paragens;
* Aconselha-se desinfeção das mãos antes e depois das viagens.

STCP