free web
stats

Metro lança emissão de Lisboa VIVA na hora

O Metropolitano de Lisboa disponibiliza uma nova alternativa aos seus clientes para aquisição do cartão Lisboa VIVA.

A partir de dia 12 de outubro, a estação Alameda da linha Vermelha vai dispor de dois quiosques self-service que permitem a emissão do cartão Lisboa VIVA de perfil normal, criança ou 3ª idade em poucos minutos.

Os utilizadores deste novo serviço não necessitam de preencher formulário, tirar foto e esperar dias pela produção do cartão, sendo apenas necessário serem portadores do cartão de cidadão e cartão bancário (de débito).

O Kiosk VIVA é um modelo desenvolvido pela OTLIS – Operadores de Transportes da região de Lisboa, ACE, com o apoio do Fundo Ambiental e da Comissão Europeia (Connecting Europe Facility), que se baseia na leitura do cartão de cidadão para o preenchimento automático dos dados e a utilização da foto, permitindo, deste modo, realizar o pedido de cartão Lisboa VIVA urgente e obtê-lo no momento, pelo valor de 12 euros (correspondente ao preço de um pedido urgente que demora um dia útil para ser entregue).

Para esta nova funcionalidade, apenas se tem que introduzir o cartão de cidadão na máquina, preencher os dados em falta e aceitar os termos e condições para a emissão e utilização do novo cartão Lisboa VIVA.

Em seguida há que efetuar o pagamento, através de cartão de débito e, em poucos minutos, o cartão é impresso, podendo ser usado de imediato, após carregamento do título de viagem numa máquina automática ou posto de venda.

O pagamento é obrigatoriamente feito através de cartão de débito (multibanco), a fatura remete diretamente para o Portal das Finanças e pode ser impressa na hora caso o cliente assim o deseje.

ML