free web
stats

Melhoria na mobilidade e acesso em Estações da Linha da Beira Baixa

A Infraestruturas de Portugal informa que está a ser desenvolvido um projeto de melhoria das condições de mobilidade e acesso para os utilizadores, em cinco Estações ferroviárias da Linha da Beira Baixa.

Serão alvo de intervenções de beneficiação as Estações de Barquinha, Santa Margarida, Tramagal, Alferrarede e Alvega-Ortiga.

O projeto que está a ser elaborado visa a implementação das soluções técnicas mais adequadas, tendo em consideração a legislação em vigor, na melhoria das condições de acessibilidade a pessoas com mobilidade reduzida.

Complementarmente, serão ainda consideradas um conjunto de intervenções que irão permitir melhorar o serviço prestado aos passageiros nestas estações.

Das intervenções previstas para a melhoria do nível de serviço prestado aos utilizadores destas Estações Ferroviária, destacam-se as seguintes:

• Alteamento das plataformas de passageiros de modo a facilitar aos passageiros a entrada e saída dos comboios.

• Dotar os percursos pedonais, desde o exterior até às plataformas, das condições necessárias para garantir a plena acessibilidade;

• Instalação de pavimentos táteis para encaminhamento de pessoas com deficiência visual;

• Adaptar, completar ou substituir integralmente a sinalética de orientação e encaminhamento dos passageiros;

• Instalação de Abrigos de Passageiros nas plataformas;

• Beneficiação geral dos sistemas e equipamentos de iluminação dos espaços;

• Instalação de guardas nos topos das plataformas bem como em todas as zonas em que seja necessário reforçar a proteção contra quedas;

• Pintura exterior dos edifícios de passageiros e outras construções;

• Requalificação dos espaços intermodais (Largos das estações);

• Instalação de novo mobiliário urbano, como bancos, papeleiras e porta horários.

O projeto foi adjudicado no final do mês de novembro e está a ser desenvolvido pelo Gabinete Miguel Viseu Coelho Arquitectos Associados, Lda., estando prevista a sua conclusão no terceiro trimestre de 2021.

IP