free web
stats

Recrutamento de maquinista no CFB

CFBluenaA Rádio Nacional de Angola (RNA), na sua edição online, dá conta de que o Caminho de ferro de Benguela (CFB)  necessita de colaboradores para a função de maquinista.

Segundo a noticia veículada pela emissora, o  CFB poderá admitir cerca de 60 maquinistas. A infromação foi recolhida junto do chefe de departamento de tracção afecto à direcção de exploração do CFB, Joaquim Macedo.

Precisamos mais ou menos de cinquenta ou sessenta maquinistas para poder corresponder aos desafios que se avizinham, com a entrada das linhas internacionais, que requer uma equipa homogénea

De acordo com o interlocutor, o CFB conta apenas com três antigos maquinistas, que asseguram a circulação dos comboios até  Luena, Moxico. E que novos desafios  se colocam com a entrada em funcionamento do CFB em toda a sua extensão, e o inicio da exploração do tráfego internacional com a Zâmbia e o Congo Democrático. (15.09.2013)