free web
stats

Video – Exposição “TRAINS & GENERATIONS”

Da passagem pela inauguração da Exposição “TRAINS & GENERATIONS” promovida pela Galeria UnderDog,  termina dia 23 de novembro, a webrails.tv recolheu um apontamento com os três fotografos da exposição: MARTHA COOPER, ALEX FAKSO, e SMART B.

A exposição apresenta três gerações de fotografos, e diferentes abordagens ao tema do grafitti ilegal praticado nos meios de transporte, em particular ferroviário.

Em paralelo à peça, a webrails.tv colocou três questões  junto Pauline Foessel, Directora Galeria UnderDogs, para enquadrar  exposição.

webrails.tv – Embora o ponto de partida seja a fotografia e a abordagem fotográfica, o aspecto marginal do tema chama mais a atenção. Porquê a escolha da cultura Hip Hop, e a opção pela temática mais marginal do Graffiti como tema para uma exposição da Galeria UnderDogs?

UnderDogs – “Não é propriamente o graffiti que pretendemos seguir mas sim as pessoas que documentam este movimento. É incrível ver que é um movimento presente em diversas cidades e este é um dos temas que nos interessa comunicar pois está em muitos casos intimamente ligado ao “background” de alguns dos artistas que convidamos a expor na galeria e também porque não é comum falar-se sobre esta temática tida como marginal.”

webrails.tv – O título da exposição é “Trains & Generations”. Podem decompor o título da exposição, e dar uma ideia de como se chegou a estes três fotografos, e porquê?

UnderDogs – “A exposição mostra trabalhos de três fotógrafos pertencentes a, e em representação de, três gerações diferentes que têm abordado esta temática e documentado a prática ilegal de graffiti em comboios, daí o título “Trains & Generations”. A Martha Cooper foi uma pioneira na documentação da génese e consolidação deste movimento em Nova Iorque do final da década de 1970 em diante; o Alex Fakso começou a documentar o movimento na Europa durante a década de 1990; e o Smart B começou a trabalhar na mesma linha no início da década seguinte, mas em Portugal. Já conhecíamos o trabalho destes três fotógrafos muito respeitados no meio e achámos que fazia todo o sentido apresentar o trabalho de cada um integrado nesta mostra colectiva. No caso da Martha Cooper e do Alex Fakso, esta foi a primeira vez que o seu trabalho foi apresentado cá em Portugal.”

webrails.tv – Para terminar. Sendo o mote da exposição uma prática ilegal, que contributo pode dar a abordagem ao tema proposto pela Galeria UnderDogs?

UnderDogs - “Algumas das fotografias conferem registos de ilegalidade, porém o nosso propósito é apresentar três perspectivas e ambientes presentes neste movimento através da documentação por meio da fotografia.”

A exposição termina a 23 de novembro. Pode ser visitada em Braço de Prata, de Terça a Sábado entre as 14H00 e as 20H00. A galeria situa-se na rua Fernando Palha, Armazém 56.