free web
stats

Cottinelli Telmo em Ante-estreia na Cinemateca

cottinelliA Cinemateca de Lisboa, passou esta terça-feira o documentário “Cottinelli Telmo Uma Vida Interrompida”, de António-Pedro Vasconcelos e Leandro Ferreira.

O documentário faz parte, com outros três documentários, de um projecto desenhado pelo dois realizadores para a RTP, sobre figuras portuguesas do Séc. XX português.  A emissão pela RTP ainda não tem data defenida revelaram os realizadores.

O documententário ilustra a vida de Cottineli Telmo convocando pessoas próximas, como as filhas e neta, ou pessoas ligadas a áreas por onde passou como homem do renascimento. Vincando as facetas de arquitecto, quer como profissional nos caminhos de ferro, ou responsável pela exposição do Mundo Português. Como ilustrador, ou desenhador da nona arte. Ou outras menos conhecidas como músico, ou mais conhecidas como realizador de filmes ferroviários, ou a conhecida  “Canção de Lisboa”.

No papel de realizador de documentários ferroviários dirigiu apenas três títulos. “Gente da Via” e “Máquinas e Maquinistas” ambos de 1938, e em 1939 “Obras de Arte” . Como arquitecto destacam-se, para além da estação de Sul e Sueste  em Lisboa, as estruturas técnicas. Torres de controlo como a da estação do Pinhal Novo, Ermesinde ou Campolide.

Cottineli Telmo faleceu em 1948 num acidente de pesca, contava 50 anos.

.

António-Pedro Vasconcelos

.

Audio da Ante-estreia