free web
stats

CFB no rescaldo da conferência sobre o corredor do Lobito

angolaMap_cfbA primeira reunião ministerial dos titulares dos transportes de Angola, Zâmbia e Congo Democrático, realizada recentemente em Angola, produziu conclusões, para o desenvolvimento do corredor do Lobito. No rescaldo da reunião, o presidente do conselho de administração do caminho-de-ferro de Benguela(CFB), Carlos Gomes, destacou, na passada segunda feira 18 de fevereiro no Kuito,  o CFB como um dos mais estratégicos investimentos realizados pelo Executivo angolano,  a par do porto de Lobito e da estrada que liga Benguela ao Moxico. Referindo que vai necessitar de homens qualificados nos mais variados domínios, para a sua manutenção e gestão.  No sentido de responder ao comércio livre pretendido na África Austral.

Segundo Carlos Gomes, a formação de quadros e técnicos da empresa, visa salvaguardar a harmonização das políticas do comércio e transportes, para facilitar às trocas de bens e serviços, entre os países beneficiários, “a maior parte destes países que não fazem fronteira com a costa marítima, estão preocupados porque é do caminho-de-ferro de Benguela que sempre se abasteceram”, disse.